Dicas

Foto de erva de São João

Foto Hypericum

Hypericum, cujo nome científico é Hypericum perforatum, mas conhecido sobretudo como erva de São João, é uma pequena planta perene. Suas folhas são bastante oblongas, enquanto as flores são amarelo-ouro, formadas por cinco pétalas e reconhecíveis por possuírem estames muito evidentes, isso pode ser visto bem na foto da erva de São João. A floração máxima, que começa na primavera e continua até o final do outono, é atingida no final de junho. É precisamente o facto de a floração máxima da erva de S. João coincidir com a festa de S. João, a 24 de Junho, que deu origem à designação de erva de S. João. Hypericum é uma planta nativa da Grã-Bretanha, mas agora cresce espontaneamente e também pode ser encontrada em nossas áreas. Seu habitat natural são bosques esparsos e ensolarados,

Cultivo


Hypericum é uma planta perene, que não teme o frio do inverno e por isso pode ficar ao ar livre o ano todo; portanto, ele se presta bem para ser cultivado também em hortas caseiras, onde muitas vezes também é cultivado em diferentes variedades. Para produzir uma boa quantidade de flores, entretanto, a erva de São João precisa ser cultivada em locais ensolarados; no entanto, cresce bem (mesmo sem produzir flores) mesmo à sombra. Em geral, o hypericum fica satisfeito com a água que vem das chuvas, mas em caso de longos períodos de seca, é bom intervir com alguma rega. O cultivo não é difícil, hypericum não requer cultivo em solos específicos, mas deve-se considerar que é uma planta que tende a ser uma erva daninha (como pode ser visto bem em muitas fotos de hypericum),

Propriedades benéficas


A erva de São João é conhecida não como planta de jardim, mas sobretudo pelas inúmeras propriedades benéficas e terapêuticas que contém nas flores. Em particular, essas substâncias são flavonóides. Estes promovem uma ação antidepressiva e sedativa, portanto, esta planta é particularmente indicada para quem sofre de insônia, ansiedade ou ataques de pânico moderados. Os flavonóides também desempenham um papel importante como antiinflamatórios, principalmente, portanto, no tratamento de tosses, resfriados e inflamações do trato urinário. Além disso, as flores desta planta também apresentam algumas propriedades benéficas para a pele, tanto que são utilizadas na produção de cosméticos contra o envelhecimento e o ressecamento da pele, mas também para atenuar os efeitos de doenças como psoríase ou estrias. , feridas e cicatrizes.

Foto de erva de São João: no comércio


No mercado, o hypericum pode ser encontrado à venda nas mais diversas formas, podendo ser utilizado tanto para uso interno como externo. Para uso interno, pode ser tomado em comprimidos contendo extrato de hypericum ou em gotas de tintura-mãe diluída em água. Tomado dessa forma, é muito útil no combate à depressão e à ansiedade. Já a infusão, obtida por infusão de folhas e flores, é excelente em caso de inflamação do trato urinário ou em caso de tosse e resfriado. Para uso externo, porém, o óleo obtido da maceração de partes da planta é muito eficaz. Porém, é bom ficar atento ao usar o hypericum, pois pode interagir com outras drogas; além disso, não deve ser tomado durante a gravidez e a amamentação e deve ser dada atenção especial ao administrá-lo a crianças.

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada.

Mira también
Cerrar