Dicas

Como cultivar lavanda

Meio ambiente e técnicas de cultivo

Graças à sua resistência, o habitat de cultivo da alfazema pode ser muito variado e sujeito a condições climáticas adversas. A planta cresce espontaneamente nas colinas, onde os solos são pedregosos e áridos, mas geralmente é cultivada nas planícies. Vamos ver agora como cultivar lavanda. A planta não tem medo de calor ou mesmo frio, e deve ser plantada em áreas bem ensolaradas e ventiladas. O meio de cultivo deve ser solto e leve, bem drenado, de forma a proteger o sistema radicular da estagnação da água, que pode causar sérios danos às raízes. Os buracos para plantar as raízes devem ter 20-25 centímetros de profundidade, e antes do transplante estes devem ser umedecidos. Se, por outro lado, opta pelo cultivo em vasos, este deve ser grande, para dar à planta a oportunidade de crescer sem perturbações e sem entraves.

Cuidado e poda


A melhor época para começar a cultivar a planta de lavanda é o outono. A rega não deve ser abundante e é aconselhável verificar se o solo onde foi plantado está seco, antes de proceder à rega seguinte. A fertilização não é necessária. No caso de o solo parecer esgotado, é melhor fertilizar durante o mês de abril, assim que a estação de crescimento começa. A poda deve ser realizada entre o final do verão e a primeira quinzena de setembro e deve ser feita com o corte de cerca de dois terços da vegetação cultivada nos meses anteriores. A poda é necessária para não deixar os ramos lignificarem. A alfazema multiplica-se por estacas: quando termina a floração, no final do verão, são retiradas estacas com cerca de 10-15 cm de comprimento dos ramos mais jovens sem floração,

Coleção de flores e usos


A alfazema floresce, dependendo da espécie, da primavera ao verão. As flores aparecem em forma de espiga, no ápice de um longo caule. Cada orelha contém um número variável de flores muito perfumadas. As flores são colhidas no início da floração, se forem utilizadas na fitoterapia, enquanto se se pretende utilizá-las para fins cosméticos é melhor esperar até o final do verão, quando já atingiram a maturação máxima e o perfume é muito mais intenso. . Após a colheita, as flores devem ser reunidas em cachos e penduradas de cabeça para baixo, em locais ventilados e sombreados, até que estejam completamente secas. Depois de seca, a espiga é separada do caule e armazenada em sacos de pano ou tigelas. Para a preparação de óleos essenciais, por outro lado, utiliza-se a flor fresca a partir da qual, com procedimentos particulares,

Como cultivar lavanda: doenças e pragas


Já vimos como cultivar alfazema e como usar suas flores perfumadas, mas não devemos esquecer que podem surgir alguns problemas. Um deles se manifesta com manchas claras nas folhas, um sintoma de um ataque de Septoria spp., Um fungo particularmente nocivo. É combatido eliminando as partes infectadas e diminuindo a umidade. Se o problema for generalizado, tudo o que resta é encontrar fungicidas específicos. Outra desvantagem é a podridão radicular e basal, causada tanto pelo excesso de rega quanto por diferentes espécies de fungos. A redução da irrigação e a desinfestação do solo, no caso dos fungos, são os remédios mais recomendados. Finalmente, se aparecerem manchas amareladas e distorções dos ápices vegetativos, acompanhadas de um desenvolvimento atrofiado da planta, é na presença de um vírus,

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada.