Dicas

Poda de Ficus Benjamin

O Ficus Benjamin

Ficus Benjamin é uma planta perene perene de aspecto simples mas elegante, adequada para decorar os mais diversos ambientes sem invadir os espaços, mas ao mesmo tempo tornando-os mais requintados e vivos. O cultivo de Ficus Benjamin, não surpreendentemente, é extremamente difundido não apenas nas áreas tropicais originais, mas também na Índia, China, Filipinas e algumas áreas da Austrália, enquanto seu cultivo também ocorre na Europa para fins decorativos. Por ser uma planta tropical, é importante que as temperaturas e as condições climáticas sejam recriadas de forma a poder oferecer ao Ficus um ambiente acolhedor, capaz de estimular o seu desenvolvimento e crescimento. O Ficus não deve ser exposto a temperaturas muito frias e, se necessário, deve ser mantido em local fechado no inverno, enquanto no verão você pode optar por transferir a planta para o exterior, para que possa desfrutar da melhor iluminação. O Ficus Benjamin existe em muitas variedades: o cultivo exigirá alguma atenção específica e variável de espécie para espécie, enquanto alguns elementos retêm importância independentemente do tipo de cultivar: entre estes, a poda, para manter o crescimento e o desenvolvimento do Ficus sob controle.

Período de poda


A poda é uma operação muito importante para manter a forma clássica do ficus com folhagem regular e harmoniosa. Para realizar as operações com eficácia, no entanto, é importante saber reconhecer as necessidades específicas da planta com base na espécie, idade, condições ambientais para realizar as operações que realmente vão melhorar as condições de crescimento do Ficus Benjamin. Da mesma forma, é importante podar na época mais adequada para favorecer o crescimento exuberante da planta, por isso é aconselhável realizar as operações na primavera. Desta forma, será possível eliminar os ramos já secos e improdutivos que roubariam desnecessariamente o alimento da planta, que é necessário para o crescimento e desenvolvimento dos ramos mais jovens, que serão mais fortes e ricos em folhas.

Técnicas de poda


A poda do Ficus Benjamin pode ser realizada por diversos motivos: para redimensionar a folhagem por um lado, com também melhora estética, e para melhorar as condições de vida e saúde da planta, por outro. Portanto, é essencial reconhecer as necessidades específicas da planta, utilizando algumas orientações gerais válidas para o Ficus Benjamin nas diferentes fases de sua vida. Para a poda recomenda-se a utilização de tesouras devidamente esterilizadas, para evitar que as feridas provocadas infeccionem. Os ramos mais antigos podem ser cortados, sem medo de deixar tocos, dos quais nascerão novos rebentos. Até a parte interna da copa se beneficia de um adelgaçamento que permitirá maior passagem de luz e ar. Durante a fase de poda é imprescindível eliminar todos os ramos secos e amarelados, prevendo-se também intervir, se necessário, nos ramos grandes que agora apresentam poucas folhas ou nos ramos que apresentam bifurcações, também pouco produtivas. Assim obterá uma planta mais harmoniosa, menos pesada e mais saudável.

Poda de Ficus Benjamin: Benefícios da poda


Às vezes, pode-se ser levado a pensar que a poda é uma operação desnecessária para o cuidado da planta e que tem um propósito puramente estético. Na verdade, esse fator é consequência dos benefícios à saúde derivados da planta. Na verdade, eliminar ramos secos e improdutivos significa permitir que o Ficus Benjamin tenha nutrição suficiente para desenvolver as partes mais jovens da melhor maneira possível e favorecer a substituição dos ramos mais secos, que roubam desnecessariamente o alimento da planta, retardando seu desenvolvimento e crescimento e tornando essas operações naturais mais difíceis. A poda também é importante para evitar que a folhagem do Ficus fique muito grossa e, consequentemente, parte das folhas e galhos não receba a iluminação adequada, o que também é fundamental para o desenvolvimento exuberante da planta: Isso é ainda mais importante se levarmos em conta o fato de que o Ficus Benjamin é uma planta de origem tropical e por natureza precisa de muita luz. Da mesma forma, a poda das frondes internas permite a ventilação adequada e evita a formação de áreas que ficam perpetuamente na sombra ou sujeitas a umidade excessiva, o que danificaria as folhas e os ramos. Identificar a melhor época para a poda também é importante: é melhor evitar o inverno e proceder na primavera, quando a planta está pronta para o seu máximo desenvolvimento e para uma recuperação rápida e completa dos cortes efetuados. a poda das frondes internas permite a ventilação adequada e evita a formação de áreas que ficam perpetuamente na sombra ou sujeitas a umidade excessiva, o que danificaria as folhas e os ramos. Identificar a melhor época para a poda também é importante: é melhor evitar o inverno e proceder na primavera, quando a planta está pronta para o seu máximo desenvolvimento e para uma recuperação rápida e completa dos cortes efetuados. a poda das frondes internas permite a ventilação adequada e evita a formação de áreas que ficam perpetuamente na sombra ou sujeitas a umidade excessiva, o que danificaria as folhas e os ramos. Identificar a melhor época para a poda também é importante: é melhor evitar o inverno e proceder na primavera, quando a planta está pronta para o seu máximo desenvolvimento e para uma recuperação rápida e completa dos cortes efetuados.

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada.

Mira también
Cerrar