Dicas

Móveis de jardim

Conhecimento dos espaços: céu aberto ou céu coberto

Na hora de escolher o mobiliário de jardim é importante ter um conhecimento perfeito dos espaços a serem mobilados. Em primeiro lugar é preferível definir um mapa em papel com as principais medidas do espaço exterior, marcando todos os elementos importantes como paredes, fontes, portas, janelas e tomadas. Desta forma, poderemos estudar melhor a localização do nosso mobiliário de exterior; em particular, esta fase é importante para o posicionamento de armários, churrasqueiras, televisão, estantes e demais elementos fixos do móvel. O correto conhecimento dos espaços também é importante no que diz respeito ao tipo de jardim a ser mobilado; se este for ao ar livre, estando diretamente exposto à ação dos agentes atmosféricos, necessita de mobiliários mais resistentes, enquanto se o espaço for coberto pelo céu, portanto, mais abrigado,

A escolha do tipo de mobiliário: mesas com cadeiras ou espreguiçadeiras?


A escolha do mobiliário de jardim adequado às suas necessidades deve ser feita de acordo com os seus espaços e utilização a que se destina: para quem tem um pequeno jardim ou terraço, a escolha pode ser direccionada para uma mesa com cadeiras. Desta forma, a área externa pode ser aproveitada para desfrutar de excelentes jantares de verão em família ou churrascos com amigos. Para quem dispõe de espaços maiores, estão disponíveis no mercado confortáveis ​​sofás que podem funcionar como verdadeiros salões ao ar livre, onde se pode deitar para tomar bons aperitivos. Além disso, é possível inserir no seu próprio open space algumas espreguiçadeiras, muito úteis para quem, durante o período de verão, quer relaxar e tomar sol. Para entender melhor qual mobiliário de jardim é mais adequado às suas necessidades,

Escolha o sol ou áreas frias com sombra?


Algumas pessoas preferem deitar em uma espreguiçadeira confortável tomando sol, enquanto outras, para evitar queimaduras, ou simplesmente porque gostam de se refrescar, preferem áreas com sombra. Certamente, este aspecto também deve ser levado em consideração ao escolher móveis de jardim. Onde não previsto pelo próprio espaço, como no caso de alpendres ou pérgulas, as áreas sombreadas podem ser organizadas através de elementos de mobiliário como guarda-sóis, velas ou toldos. Estes elementos de decoração são muito úteis, mas devemos considerar o fato de que o seu fechamento é quase obrigatório quando não são utilizados, para evitar danos decorrentes de intempéries, como fortes tempestades de verão. Estruturas fixas como pérgulas ou gazebos são uma solução que permite que mesas, cadeiras e outros móveis sejam protegidos da chuva; no entanto, eles não podem ser fechados caso você queira recriar uma área ensolarada.

Móveis de jardim: Escolhendo o material certo para móveis de jardim


Até o momento, a escolha do mobiliário de jardim deve ser feita levando em consideração a escolha do material; no que diz respeito a este último, deve garantir a correta funcionalidade do mobiliário, sem descurar o design e o estilo; hoje existem móveis de exterior disponíveis que variam de metal, plástico, resina e madeira. Obviamente os móveis de plástico ou resina são muito resistentes e adequados para espaços diretamente expostos às intempéries, enquanto a madeira é um material mais atraente do ponto de vista estético, mas que requer tratamento através de uma tinta especial impermeabilizante, pelo menos uma vez por ano. Uma escolha interessante pode ser a de uma madeira como a teca, que por natureza possui uma resina particular que a isola dos agentes externos.

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada.

Mira también
Cerrar