Dicas

Calla Palustris

Charme … e toxicidade

A Calla palutris é uma das plantas aquáticas mais fascinantes, principalmente para quem, até pelo próprio corpo d’água, não quer abrir mão da presença de flores vistosas. O pântano calla é uma planta perene rizomatosa difundida na Europa, América e Ásia, caracterizada por folhas carnudas e brilhantes de cor escura e por uma inflorescência com uma espata branca que cria um contraste elegante e nunca passa despercebida. O calla também possui pequenas bagas que o tornam ainda mais decorativo. Graças ao encanto que esta planta é capaz de exercer, a calla palustrisé muito difundido na Europa, onde se adapta perfeitamente às condições climáticas e ambientais. Seus rizomas também podem ser explorados na cozinha, mas é bom ficar atento ao contato com outras partes da planta, que apresentam alto grau de toxicidade: se ingeridas, podem causar intoxicação.

Plantio


O plantio de plantas pantanosas nem sempre é fácil, pois o tipo de solo é necessariamente diferente daquele que caracteriza os outros tipos de cultivo. Quanto ao calla, ambos adquiridos já adultos, e obtidos pela divisão dos rizomas, são possíveis duas formas. A planta pode ser colocada em um recipiente e depois imersa em água, ou diretamente no solo próximo ao tanque. No primeiro caso será necessário identificar um recipiente que ofereça às raízes espaço adequado para o desenvolvimento e que tenha uma profundidade que garanta sua alimentação e, ao mesmo tempo, o correto fornecimento de luz se necessário. Quanto ao plantio no solo, será importante avaliar o local exato que pode oferecer à planta a porcentagem certa de solo e água e

Calla Palustris: cultivo


O cultivo da calla palustris é bastante simples porque é uma planta muito resistente. A calla palustris precisa de rega abundante e de um local ensolarado, mas não teme o inverno e pode enfrentar até os climas mais rígidos, mesmo que seja necessário prestar atenção a possíveis geadas. Se as condições ambientais forem mantidas adequadas, a planta terá uma floração extremamente fascinante. Para favorecer o desenvolvimento do calla e seu florescimento, pode-se optar pelo uso de um fertilizante específico, que pode ser granulado ou em solução líquida, para ser espalhado diretamente junto com a água de rega. Periodicamente você também pode optar por um tratamento preventivo contra fungos e outros tipos de doenças parasitárias,

Assista o vídeo

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada.

Mira también
Cerrar