Dicas

A murta

Irrigação da murta

A murta é um arbusto nativo dos territórios da Europa mediterrânea e do norte da África e pertence à grande família das Myrtaceae. Esta planta, muito presente nas paisagens do sul da Itália, tem uma justa necessidade de ser regada, em relação ao seu posicionamento e à atual estação climática. Se colocado em local quente e abafado, deve ser molhado regularmente durante a primavera e o verão, tomando cuidado para evitar a estagnação da água, perigosa para as raízes, onde a necessidade de irrigação é mínima na estação fria. Embora a murta, pela sua natureza, seja capaz de resistir e adaptar-se bem às altas temperaturas e também à seca e à fraca pulverização, a sua humidificação periódica é sempre recomendada,

Cuidado e cultivo


A murta é tipicamente uma planta para ser colocada ao ar livre, mas também pode ser cultivada em vasos, optando-se preferencialmente pelas variedades perenes menores. Se colocada em recipiente dentro da casa, será colocada em local ensolarado, ao abrigo das correntes e submetida a freqüentes regas, bem como repotenciada, quando possível, com cuidado para não eliminar a terra entre as raízes. Além disso, esta folha perene nunca será submetida a operações de poda particulares, pois é suficiente eliminar ou cortar alguns galhos velhos de vez em quando, se não estiverem em boas condições. Por outro lado, será necessário evitar a poda excessiva ou invasiva, pois neste caso corre-se o risco de comprometer a maravilhosa floração característica da planta, que ocorre no final da primavera.

Fertilização


No que diz respeito à fertilização, algumas regras simples devem ser seguidas. Via de regra, o arbusto é fertilizado para coincidir com a chegada dos primeiros dias de primavera, enquanto a fertilização funciona na estação fria. Podem ser usados ​​fertilizantes específicos sólidos, de liberação lenta ou líquidos, diluídos em água de irrigação. Em particular, são recomendados fertilizantes com componentes nitrogenados, úteis para o crescimento exuberante e floração do arbusto, e com elementos potássicos, que garantem a presença correta de nutrientes no solo e facilitam a absorção de água pelas raízes. Os chamados fertilizantes orgânicos são amplamente utilizados, apreciados por sua capacidade de manter o meio de cultivo vivo e com vitalidade.

Il Mirto: exposição e doenças da murta


A murta é normalmente colocada fora de casa, durante todo o ano. Essa perene, por outro lado, não tem dificuldade em ser exposta à luz solar direta, mesmo muito intensa, mas também é perfeitamente adequada para ambientes de penumbra. Adora temperaturas quentes e até abafadas, mas não tolera frio intenso e persistente. Portanto, será colocado em ambientes com clima nunca inferior a 3 – 4 ° C, para evitar formas de enfraquecimento progressivo ou mesmo doenças graves da planta. Por fim, o arbusto pode ser submetido a ataques de insetos e parasitas, como os temíveis cochonilhas e pulgões. Neste caso, é aconselhável retirar manualmente os insetos da planta, sempre que possível, ou, nos casos mais graves, utilizar inseticidas e fungicidas específicos.

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada.

Mira también
Cerrar