Dicas

Alberi per siepi

Mantenha os olhos curiosos afastados com sebes de jardim

Existem muitas maneiras diferentes de decorar o seu jardim, assim como existem infinitas soluções para torná-lo inacessível aos olhos externos. Uma das técnicas mais elegantes e apreciadas para proteger o espaço verde de olhares indiscretos é a das chamadas «barreiras vegetais», isto é, nada mais nada menos do que a utilização de diferentes tipos de plantas (especialmente trepadeiras e perenes) para proteger os espaço privado. Esta solução representa um desvio original das paredes de concreto ou tijolo e certamente é mais bonita de se olhar. Em geral, as sebes desempenham perfeitamente a sua função explorando diferentes tipos de plantas, especialmente árvores: sendo muito altas, pois podem facilmente atingir dois metros de altura,

As múltiplas funções das sebes: a proteção da privacidade


Na realidade, quem decide focar nas árvores para sebes não o faz exclusivamente por uma mera questão de privacidade: são vários os motivos e necessidades que levam as pessoas a escolher certos tipos de plantas em detrimento de outras para criar sebes verdadeiras. Por exemplo, as sebes podem ser utilizadas como quebra-vento ou como alternativa original para estacionar o carro, caso não tenha garagem privada para o carro. Para além de representar uma escolha estética apta para a decoração e embelezamento do jardim doméstico, basta olhar em volta, na cidade ou arredores, para perceber que o papel das sebes se estende a um contexto urbano: basta olhar para nas laterais de algumas ruas, parques públicos e espaços ao ar livre de vilas importantes ou monumentos nacionais. Em conclusão,

Guia completo para escolher árvores para sebes


Mas quais são as árvores que, melhor de tudo, são mais capazes de constituir verdadeiras sebes? Escusado será dizer que a escolha é praticamente infinita: entre as mais utilizadas destacam-se o azevinho, o louro, o leylandi, o lugustrum japonicu, o lugustrum chinense, a carpa, a bétula e, em geral, as perenifólias. Naturalmente, deve-se lembrar que as sebes podem ser altas ou baixas, dependendo do papel a que são chamadas a desempenhar: podem ser de blindagem, para afastar os olhares indiscretos; quebra-vento, para reduzir o vento dentro da área de interesse; defensiva, para desencorajar a entrada de pessoas ou animais indesejados; para reduzir a poluição, ou seja, árvores para sebes capazes de capturar poeira fina (muitas vezes são encontradas ao longo de estradas particularmente movimentadas). Nas árvores para sebes,

Árvores de hedge: regras essenciais para árvores de hedge saudáveis


As árvores para sebes são muito diferentes de outras plantas utilizadas para o mesmo fim e, por isso, requerem um tratamento diferente: em primeiro lugar, estão sujeitas a um crescimento mais rápido do que o observado nas outras plantas utilizadas para a confecção de sebes; consequentemente, precisam ser plantadas em espaços bastante amplos e com solo muito profundo, para permitir o alargamento das raízes. Este aspecto é de particular importância se a árvore for plantada perto de estradas de concreto, pois a resistência das raízes durante a fase de crescimento pode danificar visivelmente a superfície da estrada. A distância a ser mantida entre uma árvore e outra, essencial para o seu correto crescimento, também deve ser levada em consideração. Além disso,

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada.